Translate

terça-feira, 31 de julho de 2012

DAX

estamos  na despedida  de Julho, um mês que não deixa saudades  aos URSOS

prevê-se a continuação desta tendência de recuperação

hoje, no encerramento da FOMC  do outro lado do mar,  pode sair gasolina para mais um 

empurrão que poderá ser igual ao da semana passada  cá pela Europa


                               

sexta-feira, 27 de julho de 2012

SP 500

Depois do Banco Central Europeu ter  anunciado ontem a defesa intransigente do €uro, permitindo que os  BULLS  encetassem uma recuperação.

a pergunta que se coloca é se os  BEARS  deitam a toalha ao chão desta forma?


                             

quarta-feira, 18 de julho de 2012

SP 500

no dia seguinte  ao discurso  de   Ben Bernanke  em que as prespetivas de  crescimento foram postas em causa ao mesmo tempo que tocou as campainhas de alarme sobre a crise da  divida publica em diversos paises, é com algum espanto que  se verifica esta investida dos BULLS com a tomada de control do indice.




                                

terça-feira, 17 de julho de 2012

SP 500

desde o princípio de Junho que o indice  negoceia entre os  1305 e os 1375, tem-se movimentado num   zig-zag, tudo apontando para que assim continue  na metade que falta do mês de Julho.

O indice  vem lutando contra várias resistências que  tem nesta zona, daí  a não progressão



Uma curiosidade....ontem foi a 7ª Segunda-feira  consecutiva que o indice encerrou no vermelho


PARA O DIA   segurando a cotação acima de 1357  e  passando os  1360  penso haver boas   hipóteses
 para uma visita aos maximos recentes zona dos 1375

as expectativas  para hoje são favoráveis aos "BULLS",  os investidores  aguardam  que o tio "BEN" bote faladura  e que anuncie  novas medidas de estimulo para a revitalização da economia


a Espanha estendeu hoje a mão à caridade e  saíu-se bem conseguiu um juro inferior ao anterior que tinha sido   de  5,074%  conseguiu  hoje  3,918%


                 

sexta-feira, 13 de julho de 2012

CAC 40

pouco  se pode dizer


temos um suporte nos 3135  para o caso de insistencia dos BEARS  será  com a quebra dos 3015 que  se irá acentuar a correção.  A quebra dos 3155 coloka os bulls  a tomar o control

                             

quarta-feira, 11 de julho de 2012

visão global

Depois do    SP500  visitar  a zona do suporte  (minimo do dia 1333) encetou uma recuperação,  na qual foi
acompanhado pelos outros indices  dos "states", NASDAQ e DOW JONES

Em  CFDês e olhando  para os acima  referidos  e para o CAC/DAX  verifica-se que  andaram de braço dado ao longo do dia, no  time frame de 5 minutos  temos  em todos estes indices   invertidos  H&Ses  que indicam para amanhã um dia verdinho.

 cuidado com a hipótese de ser mais uma ratoeira armada



                                   
                       

sexta-feira, 6 de julho de 2012

quinta-feira, 5 de julho de 2012

DAX

Graficamente  o  cenário é bullish  

após abertura  nota-se alguma indecisão,  possivelmente a manter  até  à tarde,  na expectativa  da divulgação pelo BCE  da decisão sobre taxas de juro na zona €uro

                                               

quarta-feira, 4 de julho de 2012

segunda-feira, 2 de julho de 2012

SP 500

o  H&S referido  abaixo parece que foi à vida

entretanto  nos 30 minutos  parece ter  formado uma cup and handle

na passada Sexta-feira,  da cimeira  dos  países do  €uro saíu fumo branco com uma mensagem pós mercados,  indicando que o acordo  alcançado iria resolver a crise em que vários países têm vindo a mergulhar, daí a forte recuperação verificada.

durante o fim de semana  alguns países foram analisar o que tinham acordado,  dando agora o dito pelo não dito  caso  da  Holanda e  Finlândia,  já  há rumores que a srª Merkel também  irá questionar  o acordo

os pequenos,....são sempre pequenos


                                                           

SP 500

no time-frame de 5 minutos desenhou um H&S que projecta o indice para a zona dos 1345

Se activar este boneco, o target previsto para esta pequena  correção  não coloca em causa o cenário de inversão que o indice deu sinais nos dois ultimos dias da passada semana.